COMENTEM OS LIVROS

MENINAS COMENTEM OS LIVROS.

O BLOG SE ALIMENTA DE COMENTÁRIOS!

COMENTÁRIOS DÃO VIDA AO BLOG!

DEDETIZADORA - CAMPINAS E REGIÃO

Qual é o seu estilo?

DICA


PARA ABRIR QUALQUER PÁGINA E FUGIR DAS PROPAGANDAS, SEM PROBLEMAS.

CLIQUE COM O MOUSE DIREITO E ESCOLHA A OPÇÃO ABRIR GUIA OU LINK EM OUTRA PÁGINA

ISSO SERVER PARA O ÍNDICE , ETC


para falar comigo : amoraosromances2@gmail.com

LIVROS RECOMENDADOS PARA LEITURA

  • A PROMETIDA - Esse livro está somente no AMAZON, mas tive a oportunidade de ler no Wattpad(já foi Retirado). Eu o classifico como comédia romântica. Amei Mansur, o S...
    Há um ano

Gostou do Blog ? Seja um MEMBRO !!

LIVROS EM INGLÊS E ESPANHOL

LIVROS EM INGLÊS E ESPANHOL
PARA VOCÊ QUE ESTUDA A LÍNGUA- CLICK NA IMAGEM

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

ESCRAVA DO DESEJO ANNE MATHER


Escrava do desejo
Sandstorm
Anne Mather
Coleção Sabrina, nº 149
Série
Romances Editora Abril, 1980
O casamento de Gaby com o príncipe Rachid parecia um conto de fadas... mas estava bem longe disso. Na verdade, era um tormento desde que Gaby descobriu que Rachid tinha uma amante e um filho bastardo. E ela, a esposa, não havia conseguido ainda dar ao príncipe o herdeiro que todos esperavam. Traída e humilhada, Gaby fugiu de volta para a Inglaterra. Mas Rachid, um árabe que não admitia perder, encontrou-a, fazendo renascer nela uma sensualidade tão ardente, que todas as suas decisões se enfraqueceram. E agora? Como voltar para aquele casamento em ruínas, sustentado apenas por uma estranha atração sexual?


CAPÍTULO I
Gaby escondeu-se atrás da porta da cozinha, as mãos sobre o rosto. A última coisa que desejava era chamar a atenção sobre si e, pelo menos na cozinha, ninguém iria vê-la.
Com a boca seca, afastou-se da porta, feliz pelo pessoal do bufe já ter ido embora. Seria muito estranho ter de explicar sua vinda à cozinha, mas por sorte não havia ninguém para testemunhar o que sentia. Deus, como poderia ter imaginado que Rachid apareceria ali, na festa de Liz, se ela nem sabia que ele estava em Londres?
Respirando fundo, tentou se acalmar. Sentia-se ridícula agindo desta maneira. Afinal, não era mais uma criança. Devia ser capaz de enfrentar qualquer situação, inclusive esse reencontro com o marido que não via há quase um ano e meio. Já não era mais aquela bobinha inocente de quando se conheceram. Mordendo o lábio, pensou na possibilidade de Liz saber que Rachid viria. Liz conhecia todo mundo, e seu trabalho como jornalista lhe dava a oportunidade de saber o que a maioria das pessoas importantes estaria fazendo. Era impossível que não soubesse que o filho de um famoso príncipe árabe estava em Londres.
Gaby sabia que fatalmente se encontraria com Rachid mais cedo ou mais tarde, se não socialmente pelo menos através do trabalho, pois, desde que reassumira o posto de secretária de Brad, seu trabalho a punha em contato permanente com os grandes potentados do petróleo. Aliás, tinha sido como secretária de Brad que conhecera Rachid.
Mas Liz! Ela e Liz eram amigas desde os tempos do colégio. Liz sabia que ela não desejava reencontrar o marido, pelo menos agora. Estava arrependida de ter atendido aos pedidos insistentes de seu pai para que voltasse à Inglaterra. Se não fosse por ele, ainda estaria trabalhando em
Nova York.
Mesmo assim, será que esse encontro não aconteceria em Nova York? Afinal, Rachid era um homem moderno que não se deixava dominar pelos preconceitos de seus avós. Parecia um europeu e se vestia como tal. Viajava pelo mundo inteiro cuidando dos negócios do pai. Só mesmo em casa usava os costumes orientais.
Talvez fosse menos provável encontrar Rachid em Nova York. O seu trabalho lá não lhe oferecia as mesmas oportunidades que tinha como secretária de Brad e, além do mais, Rachid não sabia que ela estava lá. Toda a correspondência trocada entre eles era por intermédio de seu pai em Londres, que tinha ordens de não dar o endereço dela a ninguém, sem
consultá-la antes.
A porta se abriu e ela virou-se, apreensiva, temendo que Rachid a tivesse encontrado. Mas era Liz Forster.
—  Não precisa me falar — disse Liz. — Já sei que você o viu! É por isso que está se escondendo aqui?
—  Não estou me escondendo, só estou tentando entender por que você fez isso.
—  Você está chateada? — perguntou Liz de cabeça baixa.
—  E você esperava uma reação diferente?
—  Acho que não.
—  Liz, você deveria saber como eu reagiria. Foi por isso que não me contou, não foi? Deixou-me fazendo papel de idiota quando Damon entrou com ele.
—  Ele a viu?
—  Não... eu acho que não. Nunca se pode ter certeza com Rachid. Parece que ele tem olhos de águia!
—  Sinto muito, Gaby, mas fui forçada a fazer isso — disse Liz, enrubescida.
—  Por quê? Por que? — Gaby não conseguia entender. — Você poderia ao menos ter me avisado.
—  Se a avisasse, você não viria. E, afinal, que diferença faz? Você acabaria mesmo se encontrando com ele de novo, não é? Mesmo que fosse no tribunal, para consumar o divórcio.
—  Ora, então você não sabe que os muçulmanos não precisam de nada oficial? Tudo o que Rachid precisa fazer é dizer as palavras de repúdio para voltar a ser um homem livre. E ele nem precisa disso. Tem direito a ter cinco esposas.
—  Gaby, pelo que você me contou, Rachid é cristão...
—  Ah, é? — disse Gaby, afastando-se de Liz. — Se você não se importa, eu gostaria de ir embora, assim que for possível. Traz meu casaco? Está no quarto. Vou sair pelos fundos...
—  Fale com ele, pelo menos — pediu Liz. — O que é que tem? Não está com medo dele, está? Meu Deus, vocês estiveram casados quase três anos! Será que isto não dá a ele o direito a cinco minutinhos?
—  Rachid não tem direito a nada de mim, nada — respondeu Gaby, furiosa. — Não sei que tipo de chantagem ele usou com você para que o convidasse...
—  Damon perguntou se podia trazer um amigo — respondeu Liz, meio sem jeito. — Como poderia saber...
—  Quer dizer que não sabia? — perguntou Gaby, sem acreditar.
—- Está bem, está bem. Damon disse quem era. Mas não sabia que você ia ter um ataque histérico por causa disso.
—  Por favor, pode me trazer o casaco?
—  Gaby, por favor... — implorou Liz.
—  Não posso ficar aqui — disse com firmeza. — Não estou histérica e nem com medo de rever Rachid. Só não queria... falar com ele.
—  Damon vai ficar furioso — disse Liz, sacudindo a cabeça.
—  Como? Damon... — Gaby estava confusa.
—  Sim... Se quer mesmo saber, ele me pediu para dar esta festa e convidá-la. Rachid...
—  Quer dizer que Rachíd planejou tudo? — perguntou, com raiva. — Liz, como você pôde colaborar com ele?
—  Não tinha outra escolha, não é? — disse Liz, com um sorriso sem graça. — Damon é meu patrão!
—Não adianta, Liz, não vou colaborar!
—  Está bem, está bem — concordou a amiga, levantando as mãos. — Ninguém pode forçá-la.

UM DOS MELHORES LIVROS DA ANNE MATHER !


20 comentários:

  1. romantica incuravel26 de dezembro de 2012 18:59

    muito bom amei para quem gosta de livros de homens ogros e muito top.

    ResponderExcluir
  2. Esse é um dos meus favoritos.
    Só achei que o Rashid deveria ter contado a história toda para a Gaby. Ele salvaria o seu casamento.

    ResponderExcluir
  3. eu li esse livro na minha juventude .ele simplesmente é lindo.

    ResponderExcluir
  4. no meu ver é o melhor livro da anne mather. por que eu amo livro com árabes .

    ResponderExcluir
  5. amei, amadorei, um dos melhores livros que já li. recomendadíssimo!

    mas também acho que ele poderia ter salvo o seu casamento se tivesse dito logo toda a verdade, mas isso não estraga em nada a historia que e linda!

    luanna Mendonça.

    ResponderExcluir
  6. Adoreeeeeei!!!sensacional,podem ler;até o segredo do Rashid fez com que a história ficasse mais interessante.Bom de mais!!!

    ResponderExcluir
  7. Nossa esse livro é muito irritante.A mocinha fica se fazendo de vitima diz q nao quer o mocinho mas fica se fazendo de dificil com ele e meu deus q mãe q ela é tah gravida mas soh pensa em si propia.Teve um momento q eu desejei q ele tivesse traido ela pra ver se ela deixa de ser tão chata!Resumindo a pior mocinha a mais chata e retardada q jah vi,na minha opiniao ela estraga todo o livro,se eu fosse o mocinho tinha chutado ela desde o inicio,ela eh uma mimada diz barbaridades pra ele q nao quer ele perto dela ai quando ele se afasta como ela pediu fica morrendo de odio dele por isso e fica doida pra chamar a atençao dele,ela nao sabe o q quer,soh se faz de vitima sem parar o cara foi atras dela disse q queria ela mas ela soh pensa em si muito egoista aff odiei!

    ResponderExcluir
  8. Ah! Eu adorei. Mocinho muito apaixonado, mas pisou na bola em guardar segredinhos de família, afinal de contas eles já estavam casados a três anos, ela não fazia parte da família não, cara pálida?
    Mereceu que a mocinha tenha abandonado -o. Cara burro, correr o risco de perder o amor da vida dele e não abre o bico... nao sabe que mulher não gosta de marido com segredinhos... kkkkkkkkk.

    ResponderExcluir
  9. Sem comentarios,lindo,lindo,lindo.........

    ResponderExcluir
  10. Nossa um dos melhores que li na minha adolescência, amei amei amei sabia de cor a historia , e ainda lembro muito dela hoje. Quero rele-lo mas tenho medo de tirar o encanto, já que hoje nao sou uma adolescente sonhadora e ingenua. Um dia crio coragem hehe. Mas recomendo !!!

    ResponderExcluir
  11. Acredito que ele teria que ter contado para a mocinha a verdade, pois perderam muito tempo longe um do outro, mas antes tarde do que nunca. Boa leitura!

    ResponderExcluir
  12. Esse livro é bem parecido com o “O Casamento Ideal” da Sara Wood e vou dar a mesma opinião. Rachid perdeu a esposa por quase 2 anos e estava correndo o risco de perder pela segunda vez, simplesmente por acobertar erros de terceiros. Rachid devia lealdade em primeiro lugar a sua esposa! Gaby foi bem chatinha o livro todo, mas isso até dá pra entender, o marido a deixou no escuro e tudo apontava contra ele...

    ResponderExcluir


MENINAS O BLOG, NÃO TEM MODERADOR DE COMENTÁRIOS. MAS COMENTÁRIOS OFENSIVOS OU PROVOCATIVOS SERÃO TIRADOS.

NÃO MANDO LIVROS POR EMAILS, O BOX TEM LIMITE PARA BAIXAR POR MÊS,
BAIXE APENAS O QUE VOCÊ IRÁ LER.
OS LINKS COSTUMAM PARAR DE FUNCIONAR NO FINAL DE CADA MÊS POIS O BOX ESTOURA O LIMITE, PARA ISSO NÃO ACONTECER PRUDÊNCIA NO BAIXAR DOS LIVROS.